Parafusos: como organizar da forma correta

Uma boa gestão de estoque reflete a forma de armazenar parafusos!

Por isso, continue lendo e confira as dicas que o Blog Indufix separou para melhorar ainda mais a organização dos seus parafusos e fixadores.

Mantenha em local seco

E, de preferência, longe da umidade!

A água é uma grande produtora de oxigênio. O oxigênio, por sua vez, ao entrar em contato com a superfície do parafuso, estimula o processo de corrosão.

Por isso, mantenha seus parafusos secos para evitar a corrosão enquanto estão armazenados!

Temperatura ambiente

É importante destacar que expor o parafuso a temperaturas altas ou baixas, influência diretamente em suas propriedades mecânicas.

Dessa assim, ao armazenar seus parafusos, garanta que a temperatura do seu estoque seja ambiente.

Assim como, que o parafuso não fique em contato direto ou indireto com fontes de calor.

Óleos e anticorrosivos

Isso é importante, principalmente, para parafusos polidos ou sem acabamentos superficiais.

O óleo, por exemplo, garante uma proteção temporária ao parafuso, até que o mesmo seja utilizado.

Caso o tempo de armazenamento for longo, realize a manutenção do óleo para garantir que o parafuso não sofra com a corrosão.

Acesse o site da Indufix: www.indufix.com.br

Confira mais conteúdos como esse clicando aqui.

Parafusos: para que serve o tratamento térmico?

Blog Indufix - fabrica de parafusos

Como os parafusos reagem aos tratamentos térmicos?

Atualmente, os parafusos são submetidos a dois tipo de tratamentos térmicos: a têmpera e o revenimento. Ambos com propósitos diferentes.

A Têmpera é um tratamento térmico que tem como função aumentar a dureza do parafuso. Basicamente, o seu processo consiste em submeter o parafuso a temperaturas muito altas por meio de uma espécie de forno. Após atingir determinada temperatura, o parafuso é resfriado de maneira brusca. É esse processo de resfriamento que leva o nome de têmpera.

Já o Revenimento, é um tratamento térmico destinado a parafusos que já passaram pelo processo de têmpera. Basicamente, o processo de revenimento tem como função aumentar as propriedades mecânicas do parafusos, como tenacidade e ductilidade, por exemplo.

É comum ver esses tipos de tratamentos térmicos em parafusos como os sextavados internos fabricados em aço liga, de dureza 12.9.

A Indufix é especialista no fornecimento de parafusos com tratamentos térmicos. Para saber mais, acesse o site e confira o catálogo completo: www.indufix.com.br

Confira mais conteúdos como esse clicando aqui.

Prepara o seu estoque de parafusos

Que tal garantir o suficiente para os próximos meses?

Prepare o estoque para receber o novos itens que farão parte do seu consumo durante o segundo semestre de 2021!

Faça sua cotação: www.indufix.com.br

Confira mais conteúdos como esse clicando aqui.

Parafuso: o que é preciso para escolher o acabamento?

Blog Indufix - fabrica de parafuso

Considere esses 4 pontos antes de escolher seu acabamento!

Se surgir alguma dúvida no meio do caminho, acesse o site da Indufix e confira mais: www.indufix.com.br

Confira mais conteúdos como esse clicando aqui.

Inox: como funciona a proteção desse material?

Blog Indufix - fabrica de parafuso inox

O responsável por essa proteção do inox é o cromo!

O aço inox é uma liga metálica composta por ferro e cromo, a princípio. O cromo, presente em todo o material, forma uma película de óxido que protege a superfície contra a corrosão.

Essa película possui algumas características: é invisível/incolor, tem uma espessura extremamente fina e contínua, sendo extremamente aderente ao aço. Além disse, mesmo que sofra com algum arranhão ou deformação, ao entrar em contato com o oxigênio, o cromo repara a película novamente.

Porém, essa não é uma característica exclusiva do cromo. Outros elementos também podem ser adicionados ao inox e elevar sua resistência contra a corrosão.

Por esse motivo, principalmente, é que o inox tem diversas aplicações em setores industriais diferentes. Atualmente, no mercado brasileiro, os mais comuns são o A2 e o A4.

O Inox A2, geralmente, possui entre 8 e 13% de níquel e de 17 a 20% de cromo em sua composição. Ao mesmo tempo, o Inox A4, normalmente, possui cerca de 10 a 14% de níquel, 16 a 18,5% de cromo e ainda contam com 2 a 3% de molibdênio.

A Indufix é referência no fornecimento de parafuso e fixadores de linha no aço inox A2 e no A4, e em itens especiais com outras classes de aço. Para saber mais, acesse o site e confira: www.indufix.com.br

Confira mais conteúdos como esse clicando aqui.

Parafuso de latão: confira 4 características desse material

Blog Indufix

Confira as características do parafuso de latão!

O parafuso em latão é um parafuso fabricado a partir de uma liga metálica composta por cobre e zinco. O latão é uma matéria-prima comum em diversos segmentos e está presente de diversas maneiras, inclusive, no formato de parafusos, porcas e arruelas.

Por isso, o latão pode ser muito vantajoso para algumas aplicações. Essas são algumas de suas características:

  • Brilho/cor: o latão, tendo o cobre em parte da sua composição, é dourado e possui um grande brilho.
  • Maleabilidade: matéria-prima fácil de se moldar, por isso encontra-se em diversos formatos (chapas, parafusos, lâminas, etc).
  • Ductilidade: algo que se adapta, direciona ou maneja, por isso o latão tem capacidade de ser reduzido a fios.
  • Condutibilidade: o latão é um ótimo condutor de energia, estando presente em várias aplicações do segmento.

Além dessas características, o latão também apresenta boa resistência mecânica e conta a corrosão, por exemplo.

Agora que você já conhece o latão, acesse o site da Indufix e confira a linha completa de parafusos e fixadores: www.indufix.com.br

Acesse mais conteúdos como esse clicando aqui.

Blog Indufix: conteúdos e fixadores de qualidade

Blog Indufix - fabrica de parafusos

Você sabia que a Indufix tem uma área com conteúdos especiais?

Isso mesmo: o Blog Indufix

Lá você encontra diversos conteúdos exclusivos sobre tudo que tem a ver com seus principais parafusos, porcas e arruelas. Entender sobre seus fixadores nunca ficou tão fácil!

Acesse e confira, clicando aqui.

Veja também o site da Indufix: www.indufix.com.br

Parafusos com rosca esquerda: onde são utilizados?

Blog Indufix - fabrica de parafuso

Hora de descobrir onde esses parafusos tem uso!

A princípio, os parafusos com rosca esquerda não são tão comuns quanto o padrão, de rosca direita. Nesse sentido, sua fabricação é feita somente sob desenho, sendo tratado como um item especial.

A rosca esquerda realiza a fixação girando no sentido anti-horário. Tem aplicação na união de peças que realizam o movimento de rotação. Dessa forma, a peça continua presa pelo parafuso e realizando seus movimentos. Isso não seria possível com um parafuso rosca direita.

Agora que você sabe onde esse tipo de rosca é utilizado, acesse o site da Indufix e confira a linha completa de fixadores.

Confira: www.indufix.com.br

Veja e acesse mais conteúdos como esse clicando aqui.

Parafuso x Prego: qual a diferença entre eles?

Blog Indufix - fabrica de parafusos

A diferença entre o parafuso e o prego é…

A rosca que o parafuso tem e o prego não!

É a rosca que permite a versatilidade de aplicação e fixação que o parafuso oferece. Enquanto o parafuso, sem rosca, permite uma fixação mais simples e rápida.

Os parafusos tem uso em fixações de união móvel. Dessa forma, é muita grande a variedade de parafusos com roscas, pontas e cabeças diferentes. Normalmente, os parafusos tem uso em montagens que:

  • Exigem movimentação;
  • Exigem maior esforço do fixador;
  • Podem ser desmontadas;

Além disso, os parafusos podem fornecer tipos diferentes de fixação. Isso torna o parafuso, um fixador mais adpatável.

Já os pregos, apesar das semelhanças, não são capazes de exercer as mesmas funções de um parafuso. A haste lisa e pontíaguda reduz suas opções de aplicação. A fixação do prego, apesar de rápida, tem limitações em questão de movimentação e remoção.

Por isso, antes de realizar uma fixação, é importante considerar qual o tipo de fixador ideal. Tanto o parafuso quanto o prego tem suas vantagens e desvantagens de acordo com o que a aplicação necessita.

Acesse o site da Indufix e saiba mais: www.indufix.com.br

Confira mais conteúdos como esse clicando aqui.

Arruela: qual a importância dela no conjunto?

A arruela é simples mas é importante como o restante do conjunto!

Continue lendo para descobrir qual a importância da arruela no conjunto de fixação.

A Arruela pode servir como…

  • Elemento de trava: distribui a força de aperto do parafuso ou porca, diminuindo o impacto de vibrações e outros esforços, por exemplo.
  • Elemento de proteção: quando aplicada antes do parafuso ou porca, protege a superfície de aplicação contra possíveis arranhões causadas pelos fixadores, eventualmente.

Confira a linha completa de arruelas disponível no catálogo da Indufix e faça sua cotação: www.indufix.com.br

Veja e acesse mais conteúdos como esse clicando aqui.